No passado dia 17 de Novembro, a parceira BIX CITIZEN – Cruz de Malta e o seu projeto de “Gestão Geriátrica de Vida Ativa”, o qual conta com o apoio da Associação Coração Amarelo, foram formalmente apresentadas por ocasião da cerimónia de acolhimento do Senhor D. Manuel Linda, Bispo Castrense, como Capelão Nacional da Cruz de Malta. Esta cerimónia decorreu na sede nacional da Cruz de Malta, no Largo do Leão em Lisboa. O Presidente da Direção da Cruz de Malta, João Alvelos, realizou uma intervenção onde enquadrou o passado desta instituição de ajuda humanitária, desde a sua fundação em 1918 por Militares e Cavaleiros da Ordem de Malta como resposta à pandemia da Gripe Espanhola, focando depois as atividades de intervenção social no presente, e perspetivando os projetos futuros. Foi dado um particular realce à iniciativa “Gestão Geriátrica de Vida Ativa”, entre outros projetos, já a decorrer.

Sobre o projeto “Gestão Geriátrica de Vida Ativa” da Cruz de Malta.

Este projeto visa a criação de um sistema de apoio domiciliário e à distância a cidadãos idosos que vivem sozinhos em Lisboa, contanto com a colaboração de estudantes finalistas de Enfermagem da Universidade Católica, no seu papel de cuidadores, e o apoio tecnológico da BIX CITIZEN. Cada idoso que adira ao programa, com o seu consentimento informado, recebe uma banda de recolha de sinais vitais. Esta mede o batimento cardíaco, a temperatura da pele, os movimentos do idoso, a deteção de quedas e realiza ainda a contagem de passos no dia-a-dia do idoso. A banda dispõe também de com botão de alarme, sendo ainda disponibilizado um tablet com acesso muito simples e natural à videoconferência. Com a tecnologia de tele-saúde da BIX CITIZEN, o cuidador pode visualizar o estado de vida ativa de cada idoso remoto e ser alertado para situações que possam ocasionar alarme, quer sejam causados pela pressão do botão respetivo por parte do idoso, quer pela análise automática dos sinais vitais desse cidadão, podendo ainda o cuidador complementar as visitas presenciais ao domicílio, com visitas virtuais através da videoconferência.